Taiwan, Uma Surpresa

Mais um fim, mais um recomeço. Minha aventura na China terminou. Confesso que deixei algumas lágrimas na despedida, principalmente por conta de umas amizades que fiz. Muitos que conheço nutrem certos pré-conceitos a respeito dos chineses em função, acredito eu, da diferença cultural existente. Sim, somos bastante diferentes. Não comemos o mesmo tipo de comida, não compartilhamos os mesmos estilos de vida, não pensamos igual, nossos países têm histórias singulares, entre outras muitas diferenças. Mas daí a tirar conclusões negativas sobre eles é um passo largo demais a ser dado. Posso dizer, com uma certa convicção, que em sua maior parte esses conceitos são taxativos, genéricos e de certa forma intolerantes. Durante minha estadia no país conheci pessoas maravilhosas, e agradeço por ter tido ainda mais esta oportunidade! Achei por bem expressar isso aqui pois tive receio de que meu antigo post Como Se Tornar Um Chinês pudesse ser mal interpretado. Ele foi uma tentativa minha de expor, ainda que de forma meio debochada, um pouco das nossas diferenças, e não ser uma crítica à sociedade chinesa.

De Guilin peguei um vôo direto para Taipei, capital de Taiwan. No caminho, um presente dos deuses. Um visual incrível:

A Caminho de Taiwan
A Caminho de Taiwan

Taiwan não estava inicialmente nos meus planos. Mas, ainda em Guilin, tinha tomado conhecimento de um grupo taoísta localizado em Chiayi, uma cidade no centro de Taiwan, próxima à famosa cadeia de montanhas AliShan, e foi então que resolvi ir conhecê-los pessoalmente.

Cientes da minha visita, três deles foram gentilmente me receber no aeroporto internacional de Taoyuan (próximo a Taipei)! Pela primeira vez na vida alguém com um papel com meu nome me espera no aeroporto! Me senti toda-toda!

Welcome Para Mim
Welcome Para Mim

Obs: aos entendedores do chinês, meu nome na verdade não se escreve assim, mas 珊珊.

Na mesma noite que cheguei, viajamos umas 2 horas de carro até o centro, em Chiayi, onde fiquei hospedada. No dia seguinte já tínhamos programação! Ao todo éramos 7. Visitamos um belíssimo templo taoísta próximo à cidade de Kaohsiung (ainda mais ao sul do país).

Do Lado De Fora Do Templo
Do Lado De Fora Do Templo

Logo na entrada uma estátua do Buddha Maytreia, cujos largo sorriso e “big stomach” indicam sua capacidade de tolerância.

Buddha Maytreia
Buddha Maytreia

Crianças sobem em cima dele e ele não se incomoda:

Esculturas no Jardim
Esculturas no Jardim

Dentro do templo, outras estátuas:

Templo Por Dentro
Templo Por Dentro

Muitas pessoas também visitavam o templo. Taiwan é um país de aproximadamente 23 milhões de pessoas das quais mais de 8 milhões são budistas e quase 8 milhões são taoístas. Pelo pouco que vi, há inúmeros templos espalhados pelo país! Uma beleza inesperada!

Algumas Pessoas Rezando No Templo
Algumas Pessoas Rezando No Templo

No jardim do templo, esculturas de GuanYin (Bodhisattva da compaixão, também conhecida como Avalokiteshvara), entre outras muitas…

Guanyin
Guanyin
Esculturas no Jardim
Esculturas no Jardim

A caminho do jardim das folhas de chá, outra visão do templo, ainda mais bela:

Templo Visto de Cima
Templo Visto de Cima

No templo, um almoço vegetariano delicioso! De lá, continuamos nossa “peregrinação” e fomos visitar um museu lindo, recém construído, com uma estátua gigantesca de Buddha. No post de amanhã…

This entry was posted in Viagens. Bookmark the permalink.

4 Responses to Taiwan, Uma Surpresa

  1. Marcia Barros says:

    Nossa, que beleza!!!imagino a sua felicidade, fico feliz também por vc estar aí passando essas maravilhas pr nós. As esculturas no jardim são um santuário especial.

  2. Carlos says:

    Preciosas las fotos. Ya veo que te lo estas pasando muy bien. Un abrazo desde Guilin

    • admin says:

      Carlos! Que bueno te “ver” por aqui, gracias por tu visita! Si, lo pasei muy bien en Taiwan!
      Extraño mucho a todos en Guilin!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Connect with Facebook